Blog

Partido Democrata protocola pedido de impeachment contra Donald Trump

Partido Democrata protocola pedido de impeachment contra Donald Trump

O partido democrata está, evidentemente, desesperado. Na segunda-feira, dia 11, seus representantes formalizaram o pedido de impeachment de Donald Trump no Congresso. Trump está sendo acusado de incitar revolução violenta contra os poderes estabelecidos pela invasão do capitólio. Algo que não foi articulado por ele. A manifestação — que foi, em sua maior parte, pacífica — foi um ato espontâneo e genuíno de revolta popular contra o corrompido establishment político americano, que está evidentemente conspirando contra os interesses da nação. 

Desnecessário dizer, no entanto, que isso é uma manobra desesperada do establishment para tentar acabar com a carreira política de Donald Trump, e assim evitar uma possível reeleição do republicano na próxima disputa presidencial. Com a conquista do poder, os democratas tentarão garantir a sua permanência definitiva no controle do governo federal americano, fazendo tudo o que for possível para garantir sucessivas reeleições e impedir seus adversários de adquirir relevância política. Os democratas tentarão estabelecer a sua ditadura controlando os departamentos de estado, e trabalhando ativamente para comprometer a credibilidade dos republicanos. Sua grande aposta — com o pedido de impeachment —, sem dúvida nenhuma é inviabilizar futuras oportunidades de Donald Trump concorrer à presidência. 

Alegando que Trump foi o responsável por diversas infrações criminosas com a invasão do capitólio — de acordo com o documento do impeachment, seus opositores alegam que o presidente americano "colocou em perigo grave a segurança dos Estados Unidos e suas instituições de governo, ameaçou a integridade do sistema democrático e interferiu na pacífica transição de poder" —, os democratas mostram que não passam de marionetes muito bem manipuladas pelas oligarquias econômicas que buscam retomar o controle total do governo federal, para implementar a agenda globalista em âmbito mundial, que está sendo ativamente financiada pela indústria bancária no mundo inteiro.

Com os democratas e o falso consenso que está sendo construído pelas Big Techs, as poderosas oligarquias do sistema financeiro não enfrentarão nenhuma resistência significativa ao seu despotismo. Com a mídia jogando ainda mais querosene nesse turbulento cenário político — passando sempre uma imagem negativa de Donald Trump e de seus apoiadores —, a opinião pública é facilmente manipulada a favor do establishment. 

Infelizmente, é fácil constatar que, com os democratas no poder, o futuro dos Estados Unidos — e por extensão, do resto do mundo — pode ser consideravelmente sombrio. Certamente, eles ainda vão tramar muitos ataques contra os seus opositores. A recente campanha maciça de censura das Big Techs contra Donald Trump e seus apoiadores, e o pedido de impeachment que veio na sequência, é uma prova irrefutável de que o establishment está sempre disposto a fazer tudo o que estiver ao seu alcance para atingir os seus sórdidos objetivos políticos, que vão sempre na direção de acumular poder total sobre o mundo, e por extensão, concretizar a ambição de conquistar controle absoluto sobre toda a humanidade. 

Compartilhe esse texto:

Sobre Mim

Sobre Mim

O Ultraconservador é um reacionário cristão antissocialista, anticomunista, antimarxista e antiestatista. Um indivíduo sem medo do establishment socialdemocrata ditatorial, corrosivo e totalitário. É colaborador de periódicos (jornais e revistas) e portais eletrônicos do Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo.